Meu roteiro de viagem começa sempre com um City Tour que me dará uma noção do que realmente é a cidade a ser conhecida. Depois dele, fico livre para voltar ou não onde quero, mas já tendo toda uma primeira impressão. Todos esse lugares abaixo visitamos em uma manhã:

Casa Rosada-sede da presidência da República Argentina.
Estátua equestre de Manuel Belgrano, militar e autor da bandeira argentina.
Curiosidade contada pela guia que vale observar nas viagens:
as estátuas de personalidades montadas em cavalos, dependendo da posição da pata do cavalo, têm um significado:
1 – quando o cavalo está com as quatro patas no solo simboliza que a personalidade morreu de causa natural;
2 – quando está com as duas patas dianteiras erguidas significa que a personalidade morreu em combate;
3 – quando o cavalo está com apenas uma pata erguida, quer dizer que a personalidade foi ferida em batalha.
Plaza de Mayo-principal praça do centro da cidade de Buenos Aires.
Manifestações das Mães da Praça de Maio pelos seus filhos desaparecidos durante a ditadura argentina.
Obelisco na  Avenida Nove de Julho, considerada a rua mais larga do mundo.
Banco de La Nación
Ao contrário do que muitos pensam, o passeio com guias locais vale e muito, pois além de não ser caro como se imagina, valendo cada real investido, há certos lugares que só iria mesmo acompanhada por um conhecedor da região, como o bairro de La Boca. Sem contar que posso tirar dúvidas sobre a história do país, lugares imperdíveis, horários e outras informações.
La Bombonera-pertencente ao Club Atlético Boca Juniors
Curiosidade: Reparem a propaganda, no alto do estádio, da Coca Cola em preto e branco. Isso se justica pelo fato das cores do time rival, o River Plate, serem vermelho e branco. Post do Museo River.
Craque na “calçada da fama” na entrada do estádio.
Alguns pesos pela visita.
Dentro do estádio, há ainda o Museo de la Pasión Boquense.
Mara
Quadrinhos nas lojas ao redor do estádio
Região do Caminito, Rua Museu no bairro de La Boca e ponto turístico dos mais famosos de Buenos Aires. É bem divertido andar pelas ruelas e observar os artistas de rua e todo o colorido dos prédios. É um verdadeiro museu ao ar livre. Observem que as placas são todas fileteadas (fileteado é uma expressão de Buenos Aires. É um estilo de pintura e desenho decorativo, espontâneo e popular). Tudo bem típico argentino.
Estátua do Maradona acompanhado de outros ícones argentinos Eva Perón e Carlos Gardel em um dos prédios.
Muitas e muitas lojinhas de souvenirs.
Mafalda-Cartoon famoso criado pelo cartunista argentino Quino. Essa estátua fofa da menina filósofa e irônica fica nas esquinas das ruas Defensa e Chile, no bairro portenho de Monserrat. Veja também: Catedral Metropolitana.